10 vinícolas para conhecer em Montevidéu e arredores

10 vinícolas para conhecer em Montevidéu e arredores



Poucas coisas na vida são melhores do que apreciar um bom vinho direto da fonte. Fazendo jus à essa afirmação, reunimos 10 vinícolas para conhecer em Montevidéu e arredores, um passeio que pode incrementar sua viagem, te despertar para novos sabores e comprovar que os uruguaios também entendem da bebida dos deuses.

Vinícolas para conhecer em Montevidéu

Existem várias opções bacanas para conhecer no Uruguai, onde se produzem ótimos rótulos de Pinot Noir, Merlot, Cabernet Sauvignon e Tannat, uva que se destaca no país. Por experiência própria, posso dizer que a harriague, como também é chamada, é uma ótima surpresa para os brasileiros. Enquanto estive por essas bandas, não consegui provar outro vinho sem ser os de Tannat, que pareciam saltar da prateleira do supermercado para as minhas mãos. O motivo da alta produção são as condições favoráveis para seu cultivo.

Independente do seu paladar, é quase certo que os vinhos uruguaios não te decepcionarão. As bodegas se espalham não só pela capital, mas também pelos departamentos de Canelones, Colonia, Rivera, Maldonado e Salto, sendo as últimas duas mais próximas de Punta del Este. O calendário nacional também está recheado de atrações, como o Festival da Vendimia (colheita) no mês de março, o Festival do Cordeiro e Tannat em junho, o Festival da Poda no mês de agosto e o Festival do Vinho e das Artes no mês de outubro.

As visitas costumam ser guiadas pelos próprios familiares que comandam as vinícolas e bodegas, tornando a experiência mais íntima e acolhedora. Para entender mais sobre os vinhos uruguaios, suas produções e tours, acesse os sites Wines of Uruguay e o Uruguay Wine Tours, que criou o roteiro Los Caminos del Vino.

Sugestões para adicionar no seu roteiro de viagem:

Bodega Bouza: muito turística, atrai turistas de Montevidéu constantemente. Oferece passeio pelo vinhedo e degustação, além de ter um museu de carros antigos e um restaurante. O passeio, com direito a quatro tipos de vinhos para degustar, custa $ 1.200 pesos uruguaios/U$S 42 por pessoa.

Juanicó/Família Deicas: essa é a maior vinícola do Uruguai, fundada em 1970. Fica num casarão antigo em Progreso, Canelones – a 38 km de Montevidéu -, onde há plantações de vinhedos e oliveiras e uma cave subterrânea com condições para a criação de vinhos premium. As visitas devem ser agendadas pelo email visita@juanico.com

H. Stagnari: também em Canelones, mais precisamente em La Puebla, essa vinícola tem “apenas” o vinho de uva Tannat mais premiado do mundo. Oferece visitas, almoços, degustações, experiências gourmet e outros eventos mediante reservas feitas com dois dias de antecedência através do email turismo@stagnari.com

Viña Éden: essa vinícola está instalada em uma bela e moderna propriedade nas serras do Pueblo Edén, a apenas 25 minutos de Punta del Este. Dividida em três níveis, a vina oferece visitas, degustações e refeições no restaurante, que tem vista panorâmica para os arredores. Agendamento via info@vinaeden.com

Bodega Artesana: a bodega boutique foca na produção de vinhos finos de alta gama, ou seja, focados na alta qualidade da uva até o design da garrafa. Localizado em Las Brujas, Canelones, é o único que produz a bebida com uvas Zinfandel no país, além de Tannat. Oferece visitas, degustações e almoços.

Bodega Santa Rosa: com mais de 110 anos de história, essa é uma das bodegas mais antigas do país. Fundada em 1898, atualmente produz vinhos finos, espumantes, sidras e licorosos em La Paz – Canelones, a apenas 18 km de Montevidéu. As visitas com degustação devem ser agendadas com 12h de antecedência através do email dmutio@bodegasantarosa.com.uy

Bodegas Castillo Viejo: no departamento de Las Piedras, em Canelones, a empresa familiar foi fundada em 1927. A apenas 20 minutos do centro de Montevidéu, a bodega realiza visitas guiadas pela propriedade, incluindo degustação, além de permitir a participação na vindima. Nos meses de calor, oferece almoços ao ar livre. Saiba mais pelo email turismo@castilloviejo.com

Bodega Familia Dardanelli: no Camino de los Molinos, em Montevidéu, essa vinícola produz vinhos Sauvignon Blanc, Cabernet Sauvignon e Tannat desde 2012. O tour da visitação de uma hora e meia passa pelas instalações antigas e novas, além das paisagens de onde se encontra, finalizado com degustação. Para reservas, entre em contato no contacto@familiadardanelli.com.uy

Colinas Garzon: uma propriedade de 19.050 m² na região de Maldonado abriga uma das vinícolas mais interessantes do Uruguai. Isso porque o programa de visitas foge do lugar-comum, podendo ser guiadas com trator, voo de balão, passeio de bicicleta, dentre outros. Além disso, oferece pique-niques, atividades de lazer para crianças e visitas pela produção de azeites. Há ainda um restaurante no local e um hotel na cidade. Mais informações via email info@bodegagarzon.com

Bodega Pisano: fundada em 1914, a vinícola familiar comandada por quatro irmãos foca na produção artesanal de vinhos de alta gama, com destaque para os de uva Tannat. A proximidade com o mar e as baixas temperaturas da região colaboram com a produção em Progreso – Canelones. Visitas podem ser agendadas através do email pisano.exports@adinet.com.uy

[+] Em nosso site você encontra mais opções de excursões em vinícolas em grupo ou particulares, confira!

 

Post por Brunella Nunes
Fotos: divulgação

Quanto custa viajar para Montevideu
Saindo desimulação de calculadora
com estadia desimulação de calculadora
Quanto custa viajar para montevideu

+ Não há comentários

Comente